Como se eu fosse muito burra

 

 ________________________________________________________________________________
 

Fernando Penim Redondo - Dezembro 2005