Receitas da Micromuse - 33 milhões

 

Lisboa, 03-08-2003

 

A Micromuse Inc. (Nasdaq: MUSE), empresa líder no fornecimento de software para a garantia de serviços e negócios, anunciou recentemente os seus resultados financeiros para o Terceiro Trimestre de 2003, que terminou a 30 de Junho de 2003.

As Receitas Totais neste período atingiram os 33 milhões de dólares, com os Resultados Brutos Pro forma (que excluem especificamente a amortização de bens intangíveis e outros encargos) a chegar aos 2.8 milhões de dólares, ou 0.04 dólares por acção. Os Resultados Brutos calculados de acordo com os critérios GAAP atingiram os 429 mil dólares, ou 0.01 dólares por acção.

O Capital, Equivalentes de Capital e Investimentos cresceram de 7.8 milhões de dólares para 212.3 milhões de dólares, no período compreendido entre o dia 31 de Março de 2003 e o dia 30 de Junho de 2003.

“O Terceiro Trimestre marcou o nosso terceiro trimestre consecutivo com crescimento de receitas, maior rentabilidade e maior capital e equivalentes de capital disponível. Esta evolução segura dos nossos fundamentais reflecte um cuidadoso equilíbrio entre uma gestão financeira disciplinada e investimentos selectivos em motores de crescimento a longo prazo”, disse Mike Luetkemeyer, CEO interino e Director Financeiro da Micromuse. “A actividade neste trimestre inclui um forte incremento da procura por produtos derivados das aquisições da RiverSoft e da Lumos, uma crescente procura pelas nossas aplicações de business intelligence em tempo real, como o Netcool/Impact e o Netcool/SLA Manager, e pedidos de clientes para a gestão de tecnologias emergentes, como o wireless 3G, o DSL e o Voice over IP”, continua.

 

Destaques do Terceiro Trimestre

>        A Micromuse anunciou que o comité de pesquisa da Administração (Board of Directors) identificou um candidato externo para o cargo de CEO; a empresa espera estar em posição de adiantar mais informações sobre este assunto num futuro próximo.

>        Os Ganhos por Acção Pro forma foram de 0.04 dólares.

>        Os Ganhos por Acção GAAP foram de 0.01 dólares, o que significa que este é o segundo trimestre consecutivo de rentabilidade positiva, de acordo com os critérios GAAP.

>        Capital, Equivalentes de Capital e Investimentos cresceram 7.8 milhões de dólares no último trimestre.

>        O Cash flow resultante das operações foi positivo.

>        Registaram-se 45 novos clientes neste período.

>        As renovações de acordos de manutenção ultrapassaram os 90%.

>        10 novos produtos, evoluções de produtos e soluções foram apresentados ao longo do trimestre.

 

Perspectivas para o Quarto Trimestre

A Micromuse espera que se confirmem as seguintes previsões, para o próximo trimestre, que termina a 30 de Setembro, com base nas informações disponíveis a 23 de Julho de 2003:

>        A empresa antecipa que as Receitas fiscais referentes ao Quarto Trimestre se situem entre os 32 e os 34 milhões de dólares.

>        A empresa espera que os Ganhos por Acção pro forma se situem entre os 0.03 e os 0.05 dólares.

>        A empresa espera calcula que os Ganhos por Acção GAAP se situem entre os 0.00 e os 0.02 dólares.

 

Para mais informação, consultar http://www.micromuse.com/

 

Sobre a Micromuse

A Micromuse é a fornecedora líder de software de gestão de falhas e serviços em tempo real. A Micromuse foi incluída na lista TOP 25 Best Performance do Wall Street Journal, e foi incluída recentemente na relação das 500 principais empresas que a revista Forbes elabora, consta ainda de: As 100 principais das tecnologias de informação da Business Week, As melhores 100 acções da Bloomberg, as 500 da Barron, as 500 empresas de evolução tecnológica mais rápida da Deloitte & Touche e as 500 principais empresas segundo o San Francisco Chronicle. Entre os clientes da Micromuse encontram-se: Airtel Móvil, Euskatel, Jazztell, At&T, BT, Cable & Wireless, Cellular One, Charles Schwab, Deutsche Telekom, Digex, EathLink, Global Crossing, GTE, ITC-DeltaCom, Worldcom, One2One, PSINet, XO Communications e numerosas empresas de investimentos financeiros.

 

Para mais informações, por favor contacte:

TFI Consultoria / Paula Lopes

Tel: 21 355 30 37 / e-mail: plopes@grupogci.net